Aromas

Aromaterapia para pets

Se engana quem acredita que os animais de estimação não percebem os sentimentos de seus tutores e, muitas vezes, até mesmo os absorvem. Por conviverem em ambientes urbanos e muito próximos das pessoas, os pets também desenvolvem enfermidades que são bem conhecidas entre os seres humanos, como enjoo, cansaço, ansiedade e estresse .

O  uso de óleos essenciais tem crescido cada vez mais no combate a esses males,  como uma opção para ajudar a manter o equilíbrio emocional e energético dos animais de maneira natural. “O tratamento pode ser indicado tanto isolado, como associado a outros medicamentos e não possui nenhuma restrição. Ele pode ser aplicado em cães e gatos, que podem apresentar mudanças já nas primeiras aplicações”, afirma a especialista Renata Piazera . 

Óleos essenciais são compostos aromáticos naturais e temporários derivados de cascas, caules, sementes, flores e raízes de plantas e contêm em sua composição compostos químicos que trazem grandes benefícios. A absorvição pelo animal se dá pelo olfato e pela pele, podendo ser utilizado tanto por inalação, quanto por aplicação tópica e banhos aromáticos.

Seu mecanismo de ação é simples, após o início da terapia com o óleo essencial, substâncias químicas no cérebro são estimuladas e liberadas, o que consequentemente permite a regulação de várias funções no organismo demonstrando muitos efeitos positivos, como em questões comportamentais, redução de ansiedade e estresse, alergias, otites, diversos problemas dermatológicos, prevenção de convulsões, sistema hepático, renal e imunológico.

Dentre os óleos essenciais usados na aromaterapia, o óleo de lavanda se destaca devido às suas propriedades calmantes e relaxantes, sendo um dos mais utilizados em animais de estimação. Além de minimizar o estresse e a ansiedade, é uma terapia natural para pulgas em pequenos animais. Outro benefício é que o mesmo é útil para acalmar a pele irritada ajudando a prevenir infecções.

Assim como a lavanda, o óleo essencial de laranja doce também possui propriedades calmantes. Com perfume cítrico característico, o óleo de laranja doce é uma boa escolha para acalmar a mente e aliviar sentimentos de irritação.

Conhecido por ter um aroma bem marcante, o óleo essencial de hortelã-pimenta é mentalmente estimulante, indicado para aliviar a tensão mental e a fadiga, além de ser útil para enjoos. Outro óleo essencial que fornece uma infinidade de benefícios terapeuticos é o de gengibre, sua principal indicação é para animais que sofrem de algum tipo de náusea, principalmente se associado ao hortelã-pimenta. Além disso, ele auxilia no processo digestivo, podendo ser usado para massagear o pet. 

Outro que se destaca entre as espécies aromáticas do gênero, por suas folhas que apresentarem alto teor de óleo essencial, é o capim-limão (também conhecido como erva-cidreira, capim-cidreira, capim-santo e, mundialmente, como lemongrass). Ele apresenta atividade analgésica, anti-inflamatória, antibacteriana, antiviral, sedativa, digestiva, antirreumática, calmante, antifebril, antiespasmódica, antimicrobiana, repelente de insetos e até mesmo anticancerígenas. Uma boa combinação é misturar com óleo essencial de menta, para aumentar a concentração e capacidade de memorização, tendo em vista os efeitos estimulantes e energéticos dele. 

Fonte: IG

You Might Also Like